No terceiro e último post da série “Conheça sua Roupa” vamos falar sobre os tecidos artificiais. Assim como os tecidos sintéticos, os artificiais são produzidos pelo homem, mas usam como matéria-prima fibras de origem celulósica ou protéica. Com essa composição, esses tecidos são capazes de imitar aqueles feitos de fibras naturais, como algodão e seda. 

A viscose, o rayon e o acetato são os tecidos artificiais mais conhecidos. Produzida a partir de uma pasta celulósica feita com madeira e sementes de algodão, a viscose é muito usada em vestidos, blusas e roupas esportivas. É agradável ao toque e aceita bem o processo de tingimento, com alta fixação das cores. 

A maior desvantagem deste tecido é que ele possui fibras menos elásticas que o algodão e a seda, por isso evite centrifugar ou torcer suas roupas de viscose. Quando manuseadas sem cuidado, elas podem acabar deformadas. 

Também conhecido como seda artificial, o rayon é feito a partir de fibras de celulose e é muito empregado em roupas íntimas e trajes esportivos, devido à sua alta capacidade de absorção de umidade. É um tecido bastante confortável e possui ótimo caimento, por isso é um dos preferidos na confecção de saias e vestidos. 

Assim como a viscose, o rayon é um tecido delicado, que deve ser lavado com cuidado, preferencialmente à mão ou em máquina com água fria. É altamente inflamável, por isso deve ser passado sempre na temperatura mais baixa do ferro e nunca com ferro a vapor, pois suas fibras perdem a tensão quando molhadas, o que pode danificar o tecido. Ao ser passado, o rayon pode desenvolver um leve brilho. Se quiser evitar isso, envolva o ferro em um pano de algodão limpo antes de passar o tecido. 

O acetato tem características semelhantes ao rayon e é muito usado na confecção de forros para roupas, pois não encolhe nem amassa com facilidade. É resistente à água, por isso o mais aconselhável é que seja lavado a seco. Também é um tecido sensível ao calor, que deve ser passado em temperaturas baixas. 

Gostou de conhecer um pouco mais sobre os tecidos e as vantagens e desvantagens de cada um? Então compartilhe nossos conteúdos e seja um multiplicador da informação.

Comentários