No dia 25 de agosto, o Grupo Malwee apresentou seu case de gestão de recursos hídricos no evento World Water Week 2021, que ocorreu em Estocolmo, Suiça, de forma presencial, e em todo o mundo, no formato online. A empresa foi convidada pela Rede Brasil do Pacto Global da ONU para o painel “Ferramenta de pegada hídrica: ajudando as empresas a alcançarem a resiliência hídrica”.

O objetivo da exposição foi apresentar casos de negócios de sucesso na implementação da ferramenta de pegada hídrica e debater sobre os obstáculos para ampla adoção de estratégias de gestão da água nas operações e cadeias de valor das empresas. 

A Semana Mundial da Água é a principal conferência anual sobre questões globais da água e também representa um poderoso movimento de mudança, focando nas principais transformações que precisam acontecer para atingir os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável e reduzir as emissões de carbono. O evento online contou com mais de 300 sessões sobre uma ampla gama de assuntos convocados por organizações líderes mundiais que compartilham seus insights mais recentes, expondo os principais desafios que exigem nossa atenção imediata. 

Reconhecida internacionalmente pela forte atuação e compromisso socioambiental, o Grupo Malwee foi uma das primeiras do setor de moda brasileiro a lançar um Plano Estratégico de Sustentabilidade, em 2015, com objetivos e metas a serem atingidas em redução do consumo de recursos naturais, uso de matérias-primas sustentáveis, gestão de fornecedores e uso e pós-uso.

Como resultado do plano, entre 2015 e 2020, conseguiu uma redução do consumo total de água, em valor absoluto, de 36%. O resultado foi possível, pois a empresa concentra as suas atividades em um processo produtivo próprio (salvo pequena parcela de tecidos que são comprados tingidos), o que permite maior controle sobre a água captada, reutilizada e descartada. Em cinco anos, essa economia atingiu 1,3 bilhão de litros de água, o suficiente para abastecer mil famílias durante 10 anos.

Em 2019, implantou a primeira lavanderia 5.0 de jeans da América Latina – um processo completo que reduz em até 98% a utilização de água no processo fabril e sem utilizar produtos químicos. A produção das primeiras 127 mil peças dentro deste sistema apresentou uma economia de mais de 7 milhões e 600 mil litros de água. Essa quantidade seria suficiente para abastecer uma família de três pessoas pelo período de 63 anos.

Comentários