Os armários podem - e devem - ser usados para guardar mais do que peças de roupas. Sapatos, bolsas, cintos e cachecóis também encontram espaço em um guarda-roupa bem organizado. Em nosso segundo post da série “Moda Consciente”, daremos dicas para facilitar a arrumação desses itens e com isso, além de garantir maior vida útil do produto, você também saberá se é mesmo necessário comprar um novo produto. 

Para começar, agrupe itens parecidos em um só lugar. Bolsas grandes podem ser guardadas nas prateleiras mais altas do armário. Lenços e cachecóis podem ser dobrados e guardados em uma única gaveta ou em caixas.
 
Meias, roupas íntimas e roupas de banho também merecem uma gaveta exclusiva. Óculos escuros, bijuterias e acessórios para cabelos ficarão protegidos se colocados em caixas menores, armazenadas em prateleiras ou no tampo do guarda-roupa, logo abaixo do espaço reservado para pendurar as roupas.
 
Invista em ganchos adesivos para criar mais espaço nas portas internas dos armários. Além de servir para pendurar bolsas pequenas, os ganchos são úteis para lenços e colares e deixam os itens mais visíveis na hora de se vestir. Gravatas e cintos podem ser reunidos em suportes próprios, fixados na lateral interna do guarda-roupa.
 
Se o armário tiver poucos vestidos e saias longas, use o espaço de sobra do vão vertical para empilhar caixas com sapatos. Para facilitar a escolha, coloque etiquetas nas caixas informando o tipo e cor do sapato, assim não é preciso abrir uma por uma na hora de encontrar um modelo específico. Outra opção é agrupar os sapatos em caixas maiores de plástico transparente.
 
Com todos os itens organizados e a maior parte dos acessórios à vista, fica mais fácil escolher o que vestir e fazer um bom uso de todas as peças adquiridas. Em um armário bem arrumado, nenhum objeto fica esquecido em um canto, juntando poeira. Isso evita a compra desnecessária de acessórios parecidos com os que já temos, mas que às vezes nem lembramos que possuímos. O consumo consciente passa por um ambiente mais organizado. Promova a moda sustentável você também!

Comentários