Reconhecido pela notória atuação no campo da sustentabilidade, por meio de suas diversas ações de responsabilidade socioambiental, o Grupo Malwee responde atualmente pela preservação de ao mais de quatro milhões de metros quadrados de área no Estado de Santa Catarina.

Ponto turístico e patrimônio da cidade de Jaraguá do Sul, o Parque Malwee, fundado em 1978, é referência nacional em preservação ambiental. Abriga, ao longo de cerca 1,5 milhão de metros quadrados de extensão, 16 lagoas, mais de 35 mil árvores e uma infinidade de espécies animais, entre elas, 133 aves catalogadas. 

A Reserva Particular do Patrimônio Natural Estadual (RPPNE), nomeada de Reserva de Fontes e Verdes, averbada pelo Grupo em 2011, é outra referência de compromisso com a proteção de ecossistemas. Com uma área aproximada de 1,3 milhão de metros quadrados abrangendo os municípios de Jaraguá do Sul e Rio dos Cedros, a Reserva é responsável por preservar florestas e 21 nascentes integrantes da microbacia do Rio Jaraguá, em uma altitude de até 700 metros. O trabalho de preservação assegura a perpetuidade de uma área praticamente intocada, onde estão abrigadas diversas espécies de animais e plantas, algumas ameaçadas de extinção.

O Pico Malwee, situado também em Jaraguá do Sul e que possui cerca de 1,4 milhão de metros quadrados de área verde nativa preservada, atua como uma das poucas reservas existentes da Mata Atlântica no estado de Santa Catarina. A área é mantida para fins de conservação ambiental.

Além de contribuir com a proteção dos ecossistemas, todas essas áreas de preservação reafirmam o compromisso público da empresa com a preservação da biodiversidade. Quer saber mais? Acompanhe nossos posts nesta semana do meio ambiente.

Comentários